Cores adequadas para cada tipo de segmento

A pintura comercial não deve estar sustentada apenas na intenção de colorir as paredes, ela vai além, pois deve despertar algum tipo de interesse no público.

Os ambientes comerciais são lugares dinâmicos, onde pessoas interagem o tempo todo, produtividade e atenção são dois quesitos importante, não importa o segmento, concorda?

Mas alguma vez você já parou para observar e questionar, porque algumas empresas apostam em cores sobressalientes, que chamam muito a atenção enquanto que outros seguem no anonimato, pintando as paredes de suas lojas, ou apostando em uma pintura comercial sem muita entonação e cor?

Pois acredite as cores tem total influência na intenção dos clientes e usuários!

Empresas maiores, fazem estudos sobre o uso das cores no seu negócio. Como o caso do Mc Donalds que aposta no vermelho e amarelo para abrir o apetite.

Ou as lojas americanas que aderiram ao vermelho impactante, veja também a combinação da Fanta, laranja com azul. Todas essas marcas têm em comum, a presença de cores impactantes, impulsivas, que caracterizam um grupo específico.

Esses segmentos de comércio, investem na pintura comercial, pois desejam atrair os chamados consumidores compulsivos, não que as pessoas sejam compulsivas, mas sim o estilo de negócio sugere essas cores para despertar o interesse no público.

Outro exemplo, é o caso do Banco do Brasil que aposta no amarelo para representar o otimismo e a esperança.

Agora imaginem pintar um hospital de vermelho e laranja?

A pintura comercial deve ser pensada para representar o negócio

A pintura comercial deve ser definida para transmitir a verdadeira essência do negócio, a escolha das cores fará parte de identidade visual e será reconhecida até mesmo antes da marca, porque é fato que muitas pessoas lembram de determinada empresa apenas pelas cores.

Qual o significado das cores na pintura comercial?

Cores adequadas para cada tipo de segmento

A primeira regra é sermos cautelosos sobre o uso do branco nos ambientes, pesquisadores dizem que o excesso de branco, bem como o gelo e o cinza não estimulam a produtividade, e isso parece não combinar com a pintura de escritórios ou de uma escola, não é mesmo?

Escritórios, prestadoras de serviços (clínicas, pet-shops, transportadoras, etc) devem pensar na pintura comercial, com0 a forma de transmitir o que fazem com entusiasmo, alegria e segurança, mas também estimular a criatividade dos colaboradores.

Para isso, cores como:

  • Verde e azul, estimula a criatividade e ajuda no equilibro, bem como, influência nas decisões dos usuários, transmitem receptividade;
  • Enquanto que o amarelo, vermelho e o laranja ajudam a liberar a dopamina. Os ocupantes de um lugar pintado de amarelo e laranja se sentem entusiasmados e dispostos e fazer coisas (comer, comprar, etc);

Agora se deseja transmitir seriedade, e não quer colaboradores entusiastas, o marrom também pode abafar o lado criativo.

Tons claros, como os pastéis, por exemplo deixam os ambientes calmos e sóbrios, logo não combinam com grandes lojas, supermercados ou atacados.

Escolher a cor para pintura comercial não está baseada somente na estética, mas também no posicionamento do comércio no mercado.

Pense sobre isso, e considere contratar uma empresa especializada para te ajudar a escolher as cores ideais para seu negócio!

Solicite um orçamento GRATUITO, acesse Inove Reformas e Construções

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *